Prefeita Eliana participa de audiência no Ministério da Saúde

Publicado em 27 de outubro de 2017

A prefeita Eliana dos Santos Silva (PSDB), acompanhada pelo diretor de Governo e Infraestrutura, Wilson Grillo, participou nesta última quarta-feira, dia 25, em Brasília, de uma audiência com o Ministro da Saúde, Ricardo Barros, agendada pelo deputado federal Guilherme Mussi (PP). Também participaram do encontro os prefeitos Marco Citadini (PTB0, de Capão Bonito, e Luiz Cavani, de Itapeva.

Primeira a apresentar as demandas ao ministro, Eliana relatou os problemas socioeconômicos enfrentado pelo município nos últimos anos devido à paralização da fábrica de cimento CCRG e as demissões na CBE, outra cimenteira da cidade, e solicitou apoio na liberação de recursos para os serviços de Atenção Básica de Saúde em Ribeirão Grande. “Estamos atravessando um momento delicado, por isso, todo recurso é bem-vindo na tentativa de amenizar o sofrimento da nossa população, principalmente no atendimento na Saúde”, disse a prefeita.

Em sua solicitação, a prefeita Eliana destacou a importância da liberação de recursos carimbados ao município de Ribeirão Grande pelo Ministério da Saúde referente aos PAB (Plano de Atenção Básica) Fixo e Variável. “Temos um recurso paralisado no Ministério da Saúde no valor de aproximadamente R$ 900 mil, através do PAB Fixo e Variável, e nesse momento que atravessamos, qualquer quantia é bem-vinda”, ressaltou a prefeita ao Ministro Ricardo Barros.

Segundo a diretora de Saúde do município, Andreia Milani, o PAB fixo é um valor que se mantém praticamente fixo e oscila de acordo com a população do município e o PAB variável é calculado de acordo com o desempenho da gestão no setor. “Temos aumentado a eficiência na prestação do serviço na Saúde, inclusive com a implantação do Pronto Atendimento até às 20 horas, por isso, estamos reivindicando esses recursos do Ministério da Saúde”, explicou.

O deputado federal Guilherme Mussi também reforçou o pedido ao Ministro Ricardo Barros, do PP do Paraná. “Fui o deputado federal mais votado de Ribeirão Grande e temos esse compromisso com a população. Com esse recurso extra, o Município poderá ampliar e melhorar os serviços prestados na Saúde”, acrescentou.

VOLTAR