Prefeitura Municipal de Ribeirão Grande é contemplada com o Projeto Roteiro do Milho

Publicado em 18 de março de 2019

Nos últimos dias 12, 13 e 14 de março, a região de Ribeirão Grande foi contemplada com o projeto Roteiro do Milho, contando com degustação de pratos a base de milho, seminário internacional e roteiros turísticos.

No final de 2018, O Projeto Roteiro do Milho foi um dos escolhidos pelo Proac, um programa de incentivo à cultura pertencente ao Estado escrito pela Doutora Cristina Fachini, pesquisadora do IAC.  O Projeto conta com a participação de sete municípios: explorando a gastronomia, artesanato e saberes populares relacionados ao milho, milho crioulo e milhos de culturas tradicionais da região. O trabalho realizado em rede tem se mostrado muito importante no fortalecimento das ações de turismo na região, propiciando o surgimento de oportunidades de negócios para todos os setores envolvidos, fortalecendo o acesso à políticas públicas do governo do estado.

O primeiro dia do evento ocorreu na Fatec de Capão Bonito SP, uma das apoiadoras do projeto. Os professores e Drs. Lluís e Dolors realizaram um seminário tratando do turismo gastronômico, explanando um pouco da atividade internacionalmente. Estiveram presentes representantes dos sete municípios, além de outros que se interessam em integrar o projeto em breve, como Itapeva, a Etec de Taquarivaí e Etec de Itararé.  Ao final foi oferecida uma degustação de pratos típicos a base de milho, para conhecimento e entendimento do tema do Projeto.

No segundo dia, o palco da realização das atividades foi o Instituto Agronômico IAC – Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento de Capão Bonito, onde os municípios participantes apresentaram a maneira como trabalham o turismo, a cultura, a gastronomia e o mapeamento dos saberes locais de cada cidade. Os participantes puderam saborear um café da manhã e um almoço todo a base de milho, utilizando a cultura popular no preparo dos pratos.

No último dia, os participantes se dirigiram a cidade de São Miguel Arcanjo, onde conheceram a parte cultural, religiosa e turística do município, visitando o Parque Estadual Carlos Botelho. Além disso, foram guiados pelos pontos de venda do bolinho de frango, receita tradicional a base de farinha de milho muito consolidada na cidade, visita ao Santuário de São Miguel Arcanjo  e ao tradicional roteiro do vinho.

Em geral, o Projeto Roteiro do Milho é um modelo para que outros municípios possam usar de exemplo no acesso a Políticas Públicas, buscando também atrair turistas que acessam os Parques Estaduais  Intervales, PENAP, Carlos Botelho e PETAR para geração de renda dentro dos municípios.

O cronograma de lançamento do Projeto se desenvolveu em três dias de atividades consecutivas, contando com a participação dos professores Lluís Mundet i Cerdan e Dolors Vidal da Universidade de Girona, na Espanha, tirando dúvidas e propondo ações nos municípios, falando dos cases de sucesso e os que fracassaram, todos os gestores municipais das pastas de turismo, cultura, agropecuária e meio ambiente puderam ouvir e debater sobre o tema, esclarecendo suas dúvidas.

VOLTAR